Arquivo da categoria: varandas

antes e depois de uma varanda sem graça

Padrão

uma varandinha assim, com este excesso de “sem-graceza” é a coisa mais fácil de se ver por aí.

a pessoa até começou a decorar, comprou uma arvorezinha, um vasinho e depois desanimou…

 

O DEPOIS:

o piso feioso foi coberto por um deque de madeira, e a pérgola deu uma aparencia de aconchego.

a arvorezinha ficou por alí mesmo mas num vaso de tom terracota

uma *escultura de ferro enche a parede lisa. (* segundo a leitra Monica, da Saccaro)

um conjunto de bancos e poltronas de madeira, lanternas, almofadas coloridas…

e a varandinha sem sal ficou linda.

uma mesinha

Padrão

sexta feira eu achei a mesinha de centro que combina com as cadeiras da varanda.

eu ja vi em várias lojas custando de 140 a 210, mas eu estava quebrando o galho, usando aquela mesa antiguinha em que fiz pátina, lembram?

bem, quando fui pegar o mr husband no trabalho, vi uma loja na rua do Fico  com uns moveis iguais as cadeiras.

curiosa,  entrei e vi a mesinha por 80.

achei muito baratinha e combinou bem com as cadeiras.

acho que a varanda tem que ter moveis leves para poder deslocar com facilidade, pois é um local que eu lavo muito

uma varanda

Padrão

ainda não  achei uma soluçao pra minha varanda:  continua com o sofá vecchio coberto com as colchas(mmas acho shabby e romantiquinho), as cadeirinhas de fibra precisam de almofadas coloreds, e a mesa com 4 cadeiras de tubo que fica na area da churrasqueira, pelamordedeus…precisa de um destino pra vida dela.

aliás eu até acho as arrumaçoes que faço na minha varanda muito jeitosinhas.

hj o sofá vecchio tá com dois lençois brancos de richilieu e almofadas azuis, forrei o pufe preto com um lençol branco e alfinetes ( pra que costurar né?) e as cadeiras estao com almofadinhas vermelhas encapadas com fronhas brancas de richilieu…pelos buraquinhos dos bordados se ve o vermelho…o açucareiro está com flores mimosinhas vermelhas (roubadas do arbusto da vizinha)…

quanto a mesa de tubo, hj ela até conseguiu ficar bonita com uma mini bromélia que a mamis deu.

to sem pressa de nada. ou de tudo.

as pedras vão se colocando no quintal, va-ga-ro-sa-men-te. acho que é por isso a minha falta de pressa tambem:

quero que esta reforma se demore mais um pouco pra que eu não terque pensar nas coisas das quais quero me desafzer

por isso eu achei este espaço aí abaixo bonito,

na varanda em L tem o espaço dos sofás e o da mesa e o balcão com as banquetinhas fofas.

e em branco viram?

cada setor tem moveis de tonalidades diferentes, então não ficou uma coisa monocromatica.

a estampa das cadeiras eu acho perfeitas pra area externa: creme, vermelho e verde.

eu ♥ o rústico

Padrão

às vezes fico pensando como os gostos “não batem”. tantas pessoas gostam do mesmo que a gente e escolhemos alguem com gostos totalmente opostos.

é o meu caso e o do mr husband.eu adoro coisas rústicas, paredes descascadas, pisos desnivelados que nem de longe lembram o assentamento simétrico, coisas que parecem de improviso.

vejo ambientes com as das varandas abaixo, a cor terracota manchada na parede, o piso de tijolinho rustico e babo no teclado.

olhem o piso de tijolos com grama: e daí que daqui alguns anos estará esverdeado? e daí que a grama precisa ser aparada sempre? e daí que o cão pisa na grama e invade a casa? e daí?? precisa esquentar tanto a moringa por detalhes pequenos?

dizem que a hera tambem é um criadouro de bichos, principalmente baratas…será mesmo?

aqui na varanda abaixo tudo lembra sossego

paredes descascadas, grades antigas, piso em ladrilho hidraulico, lanternas antigas…

sentar nesta escadaria com o sol ainda morno e mexer nos vasos…

uma amiga um dia me disse que eu faço meus castelos de areia e mr husband vem e joga um baldinho d’agua neles.

eu tenho os meus gostos, que são parecidos com os de muitas pessoas.

às vezes eles me levam pro alto e pra longe…não nego que os baldes de agua fria me colocam em contato com a realidade, mas`tem dias que eu preciso me refugiar em lugares assim.

canto shabby

Padrão

a casa é toda mUderna, mas neste espaço da varanda que fica em frente à sala de TV eu fiz um canto pra lá de antiguinho.

é que o sofá velhusco acabou indo junto e aí eu joguei duas mantas brancas,  umas almofadinhas e virou o canto shabby da casa.

o toque tambem ficou por conta da mesa de 1960 ( vi igualzinha no estudio gloria) mas o que eu preciso alí é de uma mesa maior ( alguem quer trocar???).Coloquei a mesa de copa ali na varanda também, daquelas de tubo, tampo de granito e 4 cadeiras. É melhor que nada. Vou forrar as cadeiras pra dar uma melhorada no visual

Aquelas três cadeiras de macarrãozinho estão lá…uma lástima. Se antes eu pensava em reforma-las, hoje só penso em me livrar delas. è que vi umas de fibra sintética bacanerrimas na Palladio Moveis. e o preço é ótimo…

Alias, esta área ainda está uma bagunça. Mr Husband elegeu o balcão da churrasqueira pra colocar o que é dele e não tem lugar definitivo mas já deveria ter ido pro lixo a decadas.

uma lavanderia escondida

Padrão

Porque tem casas, e eu já morei numa assim, que a lavanderia tem que ficar perto da area de lazer.

Por falta de espaço, por erro de projeto, whatever, às vezes temos que conviver com a churrasqueira do lado da maquina de lavar e tanque.

E ontem uma amiga me mandou esta foto do “depois” ( cadê o antes Márcia???) da reforma que transformou o que era um problemão nessa gracinha aqui:

maquina e tanque encaixadinhos num nicho que normalmente pode até ficar aberto para facilitar o trabalho do dia a dia.

Oba, tem churrasco a noite??? Fecha-se a porta camarão e máquina e tanque desaparecem!

Eu amei esta sugestão!! Atenção para o piso de lajotinhas!!!só pode ser provocação…

Quem enviou foi a leitora ( e agora tambem amiga de infancia) Marcia Anacleto de Marília.

A Emi acha que o tanque fica melhor posicionado do lado esquerdo; eu tambem acho.

E quem achar a foto do antes desta lavanderia, pode mandar que eu to morrendo de curiosidade…

O “buraco” do cobogó…ou tijolo de vidro

Padrão

Naquele vão de 2,63 x 0,99 entre o pilar da esquerda e a parede é onde eu pretendo colocar os cobogós ou os tijolos de vidro.

A minha intenção era colocar uma grade antiga ou treliça e usa-la como tutor de trepadeira, ms mr. husband e cesinha dizem que é bom colocar o tijolo de vidro pois bloqueia o sol inclemente e tambem o vento nos 15 dias de inverno que faz por aqui.

tijolo de vidro ou cobogó? o Sergio da Construforte fez UMA cara quando eu mencionei os “elementos vazados”…Vai acabar sendo o que a maioria decidir por “eleição livre direta e democratica”