liberdade de expressão

Padrão

Algumas pessoas estão comentando dificuldade de acesso ao blog da Jane.

Ela foi obrigada a tirar o blog do ar.

Em varios posts ela reclamou que a cozinha pedida a uma firma de SP veio com problemas e os cheques foram descontados de uma so vez.

Ela conseguiu resolver o assunto, fez uma nova cozinha com uma firma, agora de Araçatuba, a mesma que fez os meus armários.

Entao a firma ( a de SP) entrou com uma ameaça de processo se ela nao retirasse o blog do ar.

Assim ela o fez. Embora estivesse certa. E o blog dela, que era ótimo, acabou.

Me sinto na obrigação de dizer isso, pois algumas leitoras veem a foto da cozinha da Jane e comentam que não conseguem acesso.

Então é assim: liberdade de expressão até que tem né? mas que liberdade é esta?

EDITADO: este post rendeu uma polemica, e esta não era a minha intenção.

 A intenção era esclarecer as leitoras da Jane, que me mandavam e-mails perguntando porque eu tinha acesso ao blog dela e elas não. Expliquei que eu não tinha tambem e o porque.

A leitora Francesca acessou o post duas vezes e deu orientacões legais sobre a situação. Muito bacana da parte dela.

O que ela disse é verdade: bastaria a Jane varrer da face da terra os posts que mencionavam a empresa e o blog estaria lá.

A Francesca tambem alertou para o fato de que mesmo tendo nossos direitos lesados, não podemos mencionar em nossos blogs os nomes da firmas. O caminho legal para isso é a ação civel, o procon ou quaisquer outras vias de reclamação…e voces sabem que hoje em dia qualquer virgula vira uma ação de danos morais.

Nós não temos blogs pra espinafrar os outros, esta não é a finalidade deste ou dos blogs que frequento. Mas às vezes dá raiva mesmo e falamos sem querer.

Anyway, fica aí um alerta para os blogueiros sérios: postar com responsabilidade ( mais ainda???).

E nós queremos o blog da Jane de volta; ela tem um bom gosto incrivel pra moveis e decoração  ( ela morou um longo tempo na Inglaterra) e muitas das fotos do começo do meu blog foram enviadas por ela, quandonem sonhava em ser blogueira.

Anúncios

Sobre coisadelilly

mulher, mãe e esposa, workaholic; uma inconformada com a situação mundial; uma pessoa que ama cães, caminhar, ir a liquidações, comer jujubas; viciada em seriados americanos; prendada mas sem tempo de colocar em pratica suas habilidades; desprovida de inveja e más intenções; uma pessoa que adora joaninhas, pink, flores, romantismo, craft, musica; um pé no presente, um no passado, a cabeça no futuro; uma pessoa nada facil; que tenta se livrar do saco de ossos de vidas passadas, que vive o agora; que esqueceu o que não devia e lembra o que não quer; uma pessoa na versão enciclopédica 2.0 que não pode ser resumida.

»

  1. Lilly querida, obrigada pela nota – muitas pessoas me escrevem perguntando do blog e eu respondo, mas nao tenho onde publicar uma explicacao – e voce fez isso por mim. Obrigada, beijos, Jane

  2. Absurdo… Injusto… Onde podemos falar a verdade sem pagar um alto preço? Mas nem no propio blog?
    Crie outro Jane, e estaremos la para prestigia-la. Quanto a quem fez vc terminar com aquele, esqueceremos, com certeza, se é o que eles querem…

  3. Lilly adoro seu blog.Acho injusto a jane nao poder usar sua liberdade,processe-os, sei que a justiça demora mais é justa.Diga a ela para entra no quadro do fantastico ” o conciliador” quero ver eles proibirem ela de se expressar.

  4. Nossa Lilly!!! Os órgãos de defesa do consumidor estão aí para nos servir. Os cheques descontados e as Notas Fiscais são mais que provas de defesa que ela poderia utilizar e fazer valer seus direitos. Sempre fui bem sucedida ao entrar em contato com o PROCON.

  5. Lamento gente, mas ela não pode se queixar no próprio blog.

    Antes que me batam eu explico – o que aconteceu não tem nada a ver com “cercear a liberdade de expressão”. Tem a ver com a lei. Código Penal.

    A Lei é clara: Não se pode divulgar o nome de um devedor na Internet (ou no jornal ou no painel de avisos da empresa). Não se pode chamar um devedor de ladrão. Para a Lei houve uma falha no cumprimento de uma obrigação -no caso a loja recebeu e não entregou a mercadoria – mas isso é inadimplência, não um roubo, e chamar alguém de ladrão é crime contra a honra, previsto no código penal.

    Se alguém chamar um fornecedor, cliente, ou vizinho de ladrão porque não recebeu uma mercadoria, um pagamento ou seja lá o que for ou se disser alguma coisa do tipo “fui roubada”, essa pessoa pode sim ser processada e provavelmente vai perder a ação, o que é pior ainda.

    E a Jane não precisava tirar o blog todo do ar, somente apagar os posts mencionando a empresa.

    É chato, concordo com todas vocês que parece muito injusto para com a Jane, mas é a Lei.

    Blog parece sala de estar onde se pode falar de tudo e de todos como se bem entende, mas não é assim não. Todo cuidado com o que se escreve publicamente é pouco.

  6. Que absurdo!!!
    Se o cliente n pagar eles podem negativar a pessoa, mas se eles n cumprem o trabalho deles a pessoa não pode falar nada??????
    E ainda tem de tirar blog do ar por conta de um erro alheio?
    Ahhh vá…. Fala sério…
    Tomara que a Jane faça outro blog!!!

  7. nào posso acreditar que uma pessoa tenha que fechar um blog porque disse que um fornecedor nào cumpriu o seu trabalho como deveria!!!????

    lilly, espero que um dos teus seguidores seja um advogado e que ajude a Jane a reabrir o seu blog e que entre com um processo contro a loja porque a ameaçou de “nào liberdade de expressào”!!

  8. Eu vou repetir só mais uma vez porque quase todo mundo nesta caixa de comentários tem blog e está lidando com reformas e empresas e pode passar pelo mesmo problema que a Jane passou.

    Se uma empresa não cumpre o que promete deve-se entrar na justiça contra ela. Quer reclamar? Use as seções de defesa do consumidor em jornais. Vá ao Procon. Use os sites específicos para denunciar empresas como o Reclame Aqui. Quer contar no blog? Seja cuidadoso e diga simplesmente “estou tendo sérios problemas com a empresa xxx”. Agora, sair desabafando no blog que a empresa XYZ da rua ABC é desonesta, ladra, etc torna o autor da mensagem passivo de uma ação judicial por lesão à honra e em 99% dos casos você vai perder a ação.

    O artigo 42 e o 71 do Código de Defesa do Consumidor é claro – O inadimplente não será exposto a ridículo, nem será submetido a qualquer tipo de constrangimento ou ameaça.

    Tenham muito cuidado com o que escrevem no blog. Já houve gente sendo processada inclusive pelo conteúdo nas caixas de comentários. Façam uma busca por “blog processado por comentário” e fiquem atentas.

  9. É “gentem”, a Francesca está certa. Pela Lei nem o fornecedor nem o consumidor pode passar por constrangimentos. Se por exemplo eu sou a devedora não posso passar por constrangimentos em meu ambiente de trabalho. O credor não pode perturbar seu devedor com ligações insistentes em local de trabalho…É uma via de mão dupla. E como disse a Francesca existem os canais adequados para reclamar, os orgãos de defesa do consumidor são muito eficientes nestas questões.

  10. oi Lily! nossa já vi tantas recamações em blogs , já vi blog fechando depois de um reclamação-e a liberdade de expressã, se a gente se sente lesado não podeos expor no nossos próprios blogs – poruqe “eles” estã bem protegidos por leis- e quem é ludibriado, o reclamante não tem leis- eu se fosse ela tiraria os post onde fala desta firma bem qualificada , mas na hora da riava – ate entendo ela – a gente tira tudoo! então amiga blogueira processa esta firma e reabre o blog que pelo jeito deve ser muito lindo!
    será que té no twitter não podemos abrir a boca??Meda..
    bjs

  11. OLa,Lilly.
    Nota ZERO para essa empresa que cerceia a liberdade da blogueira Jane.Falar a verdade nao e falar mal,afinal os blogs tambem tem uma funcao social.Eu fiz um post sobre geladeiras que mudam de cor (e outros eletrodomesticos tbem)e nao me furtei em citar os nomes das referidas marcas.Esta la com fotos e tudo,inclusive com a licenca das blogueiras que sofreram com os problemas citados.Ninguem reclamou,porque e verdade.Mas vc esta certa,e so ela retirar os posts e continuar com o blog.Liberdade “meia boca” e que nao da mesmo.Gde beijo.zenaide storino.

  12. “Falar a verdade não é falar mal” diz a Zenaide. Não, não é. Eu concordo com ela. Mas há modos e modos de dizer a verdade.

    Dizer que UMA geladeira da marca X mudou de cor e provar o fato com fotos não é crime. Mas dizer que a empresa que fabricou aquela geladeira que mudou de cor fez isso de propósito e que os produtos dela não prestam porque é uma empresa sacana, mal intencionada, ladra, incompetente, está errado.

    Não se trata de “não poder abrir a boca” gente. Parem de dizer isso, por favor. Trata-se de respeitar a lei.

    A Emília já falou isso e eu repito como reforço: Se vocês atrasarem um pagamento (ninguém está livre de algo assim acontecer) a empresa não pode ficar telefonando para a casa ou escritório de vocês, colocar cartazes na rua ou citar seu nome como devedora no blog deles, no Facebook ou no Twitter. Não podem dizer que vocês são umas cafajestes, ladras, pilantras e fazer vocês passarem a maior vergonha. Por que não podem? Porque a lei protege vocês contra esse comportamento. Aí todo mundo acha legal e bonito. Acontece que a lei vale para todos, não se pode ter dois pesos e duas medidas.

    Reclamar pode, sempre pode. É preciso simplesmente saber como e onde reclamar.

    Desabafo daqueles de sair xingando e dizendo tudo o que se passa na cabeça só em particular, nunca em público. Nunca no blog.

    Desculpa a terceira invasão na sua caixa de comentários Lilly, foi a última neste assunto, prometo. 🙂

    • este é um forum de discussao.
      aqui se fala a verdade, so isso.
      só nao aceito termos ofensivos e indelicados, entao até agora esta correndo tudo bem.
      eu estou aqui para moderar comentários.
      no momento que eu achar que algum deles possa magoar pessoas que me sao caras eu excluo o comentario e bloqueio o post.
      pois a minha intencao é apoiar Jane e não torna-la alvo de mais comentarios.

  13. Francesca, nao sei se voce leu meu blog sobre o caso da cozinha – eu simplesmente relatei o que estava ocorrendo – nunca usei palavras chulas ou denegri a empresa – simplesmente relatei a minha experiencia. Nao foi calunia, nem difamacao nem tao pouco vexacao.
    Segundo o advogado que eu consultei, eu estava certissima no blog e na maneira com a qual descrevi o ocorrido – factualmente e sem teor de calunia ou difamacao – a liminar que eles me mandaram era extra judicial – foi feita somente com o intuito de me ameacar. Conforme o advogado, eu posso entrar com processo na justica com certeza de vitoria.

    Eu tirei o blog do ar, por que eu ja tinha sofrido muito com esse problema e nao queria mais complicacoes. Eu ainda nao entrei na justica, pois como voce deve saber, o processo e longo e oneroso. E demanda muito da pessoa – voce tem que se ausentar do trabalho inumeras vezes para comparecer em juizo. E infelizmente no meu atual momento profissional eu nao posso fazer isso.

    Eu me sinto lesada duas vezes por essa empresa – uma pela ma fe da qual eles usaram ao tratar comigo e a segunda pelas ameacas que eu sofri durante todo o processo e depois que consegui atraves de advogados pegar o meu dinheiro de volta – ameacas se eu nao tirasse o meu blog do ar.

    E eles pediram que eu tirasse o blog do ar, nao somente os posts/entradas. O que eu acho mais injusto ainda.

    Jane

  14. Nooossa, que situação! Mas nós que temos blog estamos sempre sujeitos a situações assim. Expor a vida tem suas complicações. Até por isso quando falamos dos problemas aqui de casa nunca citamos nomes, a não ser que seja pra falar bem. Nos referimos ao arquiteto como “aquele cujo nome não pronuciamos” e falamos apenas por email quando temos que citar algo desse estilo.
    Mas eu acho que nossas leis nunca são pra beneficiar os honestos. Direitos humanos só funciona pra bandidos e lei pra quem tem dinheiro. Infelizmente… tem hora que Leandro e eu temos vontade de ir embora daqui…

  15. Jane,

    Na verdade, não li o seu blog e não acompanhei o caso. Meus comentários foram feitos com base no post da Lilly e com o intuito de informar que uma empresa, mesmo em falta, pode ameaçar com um processo alguém que “mete a boca no trombone” no blog. Não disse que você fez isso.

    Você diz que simplesmente relatou os fatos, sem denegrir a empresa e que seu advogado lhe informou que a liminar extra judicial da empresa pedindo a remoção de todo o blog da internet não fazia sentido. E não faz mesmo. Seu advogado poderia muito bem ter mandado uma carta especificando tudo isso, ameaçando a empresa com um processo. Só isso às vezes é suficiente para calar a boca da parte metida a valentona. Nem sempre é preciso chegar às vias de fato, mas este tipo de atitude varia de advogado para advogado.

    Eu compreendo que você tenha ficado magoada e estressada com tudo isso e em consequência tenha tirado o blog do ar. Também compreendo a opção de não processar porque é um processo demorado e isto não lhe é conveniente no momento. Mas lamento a sua decisão. Você acabou pagando mais caro do que deveria e pelo que li, a blogosfera perdeu um excelente blog. Espero que você volte.

    • É ISSO.
      NÓS ESPERAMOS QUE A JANE VOLTE.
      MAIS DO QUE UM BLOG DE DECORAÇÃO E CASA, ERA UM ESPAÇO ONDE PODIAMOS TER CONTATO COM O BOM GOSTO E A ELEGANCIA DA JANE, UMA PESSOA QUE EU APRENDI A GOSTAR ANTES MESMO DE CONHECE-LA COMO CONHEÇO HOJE.
      NESTE MUNDO DE BLOGS ONDE AS PESSOAS SE AUTOPROMOVEM, FALAM BESTEIRAS E POSTAM AMENIDADES, ALI A GENTE SE IDENTIFICAVA COM A SIMPLICIDADE DOS RELATOS, O JEITO EFICIENTE DELA LEVAR CASA-REFORMA-TRABALHO-FAMILIA E CONSEGUIR ADMINISTRAR TUDO AO MESMO TEMPO.
      EM POUCOS MESS ELA PEGOU UMA CASA DE ACABAMENTOS DATADOS E ANTIGUINHOS E TRANFORMOU NUMA RESIDENCIA DE ALTO NIVEL E MODERNA.
      SEM ARQUITETO-DECORADOR, SÓ COM SUA NOÇÃO.
      É ISTO QUE ESTAMOS PERDENDO COM O BLOG FORA DO AR.
      JANE, MUDE O NOME DO BLOG, E VOLTE.
      DE UMA BANANA PRA ELES!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s