Arquivos

Archive for the ‘simplicidade’ Category

mesas rusticas

22 de fevereiro de 2013 4 comentários

A simplicidade das mesas de madeira, daquelas bem antiguinhas, me encanta sabiam?

Sempre gostei de moveis de madeira com aquela aparencia rustica.

Quando me casei comprei a mesa de madeira de 5 tabuas em imbuia que voces conhecem e hoje está na churrasqueira.

Ela foi usada como mesa de jantar este tempo todo e a intenção era comprar um buffet no mesmo estilo dela, mas a loja que a vendia a Helsink, não existe mais

Um dia ela ainda terá uma linda pátina branca.

Achei estas fotos de mesinhas romanticas para inspirar voces.

Talvez não gostem da pintura tão descascada assim, mas esta abaixo é bem ao estilo shabby

pintar com uma tinta bem colorida tambem faz meu estilo.

mesinhas assim tem um lugar garantido no meu coração…

Categoriasmóveis, simplicidade

um quintal onde o branco predomina

21 de fevereiro de 2013 9 comentários

O branco e os ambientes envelhecidinhos  invadem os blogs shabbys e muita gente já está careca de ver isso, mas vi esta foto e …

Sabe aquele quintal ou canto sem graça, desvitalizado, que é o deposito de tranqueiras??

Acho que é uma ideia prática pra dar um up nele.

O primeiro passo é dar um fim em toda tralha do local.

Eu sei como é dificil desapegar, mas o que fazer com um banquinho torto, roda de bici, latinhas, garrafa!?!

Doe tudo pra reciclagem!

Dê uma boa lavada ali e veja o que pode ser feito com pouco dinheiro.

A solução: paredes caiadas, sim! caiadas e voce pode fazer uma pátina leve sujando as mãos de terra em cima da cal fresca, só isso já da uma clareada no lugar.

Coloque vasos, lanternas…pendure azulejos coloridos nas paredes

Tem uma mesa e cadeiras que possam ficar ao ar livre?

Tem mas não estão bonitas? Jogue uma toalha em cima…pode ate ser de plastico, de longe nem se percebe.

e deixe a cor por conta das flores.

parece tão antiguinho…

16 de agosto de 2012 17 comentários

mas é muito atual esta procura pelas coisas simples.

antes quando alguem ía comprar ou alugar uma casa, já tinha na cabeça duas coisas:

1- que fosse moderna e

2-que tivesse muitos armarios.

a escolha é sempre por pisos que brilham, torneiras cromadas, lustres que chamem a atençao. 

e piscina, area de lazer.

mas vejo pessoas que moram em casas simples, antigas, com acabamentos datados, e que dão nelas um toque todo especial.

vejo muito isso no site Casa Chaucha: as casas são sempre simples e antigas, casas que se decoradas de maneira tradicional poderiam resultar em ambientes  de mau gosto.

mas tem suas paredes coloridas, moveis pintados em tons fortes, cortinas e objetos que misturam o moderno e o vintage.

tudo isso bem dosado tornam aquela casa unica.

então se voce estiver procurando uma casa para morar, pode ser para alugar ou comprar, não pense em soluções drasticas como a derrubada de paredes, arrancar revestimentos, às vezes destruir um quintal lindo pra enfiar lá uma piscina que não será usada.

um piso feinho dá pra esconder com um enorme e barato tapete de sisal

a falta de piscina se dribla com um chuveirão.

como na foto abaixo : o piso antigo é de tijolos e recebeu uma resina para facilitar a limpeza ( não, não sei o preço da resina, nem sou dona da firma que vende).

olhem este quintal: conseguem imagina-lo sem as flores, vasos e esta mesa?

então, é desolador, exatamente o que vemos quando olhamos um quintal triste de uma casa vazia.

o que temos que fazer é imaginar ali as soluções mais faceis e baratas: vasos com flores, umas cadeiras coloridas ou redes com almofadas que formem um canto de relaxamento.

e aí a pintura que parecia gasta já parece uma pátina.

e o que parecia velho, lembra o vintage, ou o shabby

olhar com atenção para cada canto e não pensar em derruba-lo mas sim como destacar as qualidades dele.

a varanda da Juju

27 de julho de 2012 22 comentários

aqui no blog eu criei a categoria Simplicidade só para destacar coisas que amansam nossa alma e o coração.

são ambientes onde o rustico e o simples entraram com refinamento, e mostram que na maioria das vezes o básico  não só facilita a rotina como tambem é um estilo novo de vida.

vendo aqueles ambientes, dá vontade de trocar nosso piso de porcelanato por aquele de cimento queimado, as paredes lisinhas pelas texturizadas u cobertas de tijolinhos, mas ficamos sempre na duvida sobre a escolha…

mas a cada dia me convenço que o simples e rustico são as melhoras escolhas.

e um dos lugares que eu adoro visitar é a varanda da Jussara Domene Gerke, uma paulista que se bandeou pra Salvador.

dona do famoso O Móvel, lá ela publica ambientes lindos e algumas coisas da casa dela.

e envolve as blogueiras e leitores numa conversa animada sobre casa, decoração, comida e amizade.

um dos destaques da varanda e quintal é a cor: terracota.

este tom dá um belo destaque na vegetação.

Jussara é dona de um jardim “selvagem”, entenderam???

é simplesmente o que eu adoro, nada muito planejado, apenas as plantas foram cescendo ali, felizes.

primaveras, hibiscos, samambaias que eram tão na moda lá nos anos 70 e sumiram do mapa e agora estão voltando aos poucos.

ainda bem, pois tem coisa mais facil de cuidar do que samambaia?

o piso é em pedra rustica sem rejunte que o marido que nivelar pois cria limo, mas ela acha que é mais natural assim ( e eu tambem acho)…

essa duplinha tem livre acesso a todo espaço e alegra a casa …

tons de vermelho e rosa aparecem em toda parte.

a mesa posta com capricho para receber os amigos, pratos coloridos e a promessa de uma tarde passada ali com conversa boa e a comida feita pelo Tunico

não é uma delicia de espaço???

abaixo, mais dois posts sobre o simples…

28 de fevereiro de 2012 2 comentários

com fotos de casas de leitoras.

como disse a Jussara aqui, as pessoas estão procurando simplificar e isso é sofisticação.

hoje clicando porraí eu conheci um blog portugues chamado The busy woman and the strip cat.

como cheguei lá? não sei.

por enquanto estou só lendo, mas pelo que entendi, a dona dele, Rita abraçou um estilo de vida minimalista, se livrando de superfluos não só na casa mas em roupas e objetos tambem. vale a pena dar uma olhada.

Categoriasamigos, simplicidade

Casa de Leitores: Denise

28 de fevereiro de 2012 10 comentários

A Denise me mandou fotos de um criado feito a partir de um caixote de frutas.

adorei a parede de tras da cama ( ela disse que é camurça, ams não lembra a marca) e o enxoval da cama ( clica que fica grande)

abaixo ela teve o capricho de fazer a montagem das fotos, dos caixotes como vieram, a pátina e a decoupagem.

ela até passou fitinhas de cetim para deixar a trama das cestas mais fechadas.

um capricho.

muitas pessoas não gostam destas solucoes crafts para substituir moveis.

ou tem o movel praquele canto ou não tem.

eu e a Denise trocamos um monte de e-mails sobre isso.

ela tem dinheiro pra comprar mesas de cabeceira bacanérrimas? sim, mas quis experimentar esta alternativa!

pode ser que logo ela se canse disso e compre móveis novos.

a cestaria vai para o banheiro/cozinha guardar maquiagem/ temperos, e as caixas servirão de cachepos, ou irão para a lavanderia, onde couber um caixote charmoso.

mas a Denise experimentou aquela sensação boa do “eu que fiz” e o que é melhor, sabe que pode fazer o que quiser pois tem capacidade.

simples!

25 de fevereiro de 2012 13 comentários

eu vi esta foto no face da Jussara Gehrke.

paulista formada em psicologia, mora hoje na Bahia e trabalha com moveis e decoração.

é dona do delicioso blog O Móvel, onde ela intercala estórias e fotos lindas.

as fotos que ela publica no face  tambem são lindas e acho que vou criar uma categoria “Jussara” pra mostrar aqui o bom gosto da moça.

estes dias ela postou a foto de uma cozinha simples que me encantou.

bancadas e prateleiras em madeira rustica, um tronco natural com ganchinhos onde se pendura tudo, piso em cimento queimado, uma mesa sólida, daquelas com gavetas  ( eu já falei pra que servem as gavetas né?) e utensílios práticos.

nenhuma frescura ou detalhe desnecessário. simples e não pobre.

vivemos numa época em que as pessoas caíram de amores pelo shabby e isso significa o uso e reaproveitamento de materiais de demolição, a troca de pedras como granito e mármores pelo cimento, a volta dos móveis esquecidos em garagens e mercatudos.

as pessoas lixam e pintam móveis e casas, perderam o medo de “estragar” uma parede ou móvel.

não ficou bom? pinta por cima!

e tambem nem se sentem mais obrigadas a usar o piso que “todo mundo está usando” ( segundo os vendedores).

o porcelanato tá na moda e daí? se a pessoa quer seu chão de cimento e ladrilho hidraulico, tem que ir atras do seu gosto!

eu me arrependo de não ter usado mais o rustico aqui nesta casa imensa, tenho impressão que iria facilitar a manutenção.

mas como sabem, tudo aqui foi discutido centimetro a centimetro com o marido…

eu gostaria que o piso da varanda fosse mais rustico e menos escorregadio; que o quintal tivesse as pedras, mas tambem tivesse grama e deck, e que algumas paredes fossem de tijolo aparente.

mas quem disse que esta é a minha ultima casa não é mesmo?

bem, o recado que eu queria passar é: nada é pra sempre nesta vida.

então durante a nossa estada dá pra experimentar de tudo aqui: do caro e do barato; do simples e do sofisticado; do fácil e do complicado.

tudo é uma questão de fase, de oportunidade, condição financeira, gosto…

e se voce gosta do simples, abrace esta idéia.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 645 outros seguidores