Arquivos

Archive for abril \26\UTC 2009

Quintais e Jardins

26 de abril de 2009 4 comentários

A minha primeira casa na rua José Bonifácio não tinha UM pedaço de terra. Tinha garagem, corredor lateral e um quintalzinho tudo em piso branco.

Eu sempre quis quintais com jardins e arvores e nesta proxima casa tenho a chance de exercitar este meu lado. Eu sou boa com vasinhos de violetas, se vou dar conta de um jardim  já é outro negócio.

E lá eu tenho dois corredores laterais, jardim na frente e quintal. É muito espaço e tão pouca competencia…

Tinha um program excelente no P&A que não vejo mais.

Chamavam um jardineiro pra dar um toque naquele jardim/quintal cheio de cacarecos e transformavam um horror deste:

quintal-feio-de-doer

num recanto sossegado e fresco:quintal-lindo

ou asim:

quintal-lindo2

ou:

quintal-lindo3

Notem que em todos há uma mistura de materiais como pisos, pedriscos, decks de madeira, pedra, vegetação…tudo misturado.Eu gosto assim.

Tenho alguns meses pra tirar da cabeça do maridón  ideia do quintal todo de pedra.

Categoriasquintais e jardins

Piscinas

25 de abril de 2009 5 comentários

Hoje acordei com intenção de ver piscinas.

Saí logo cedo com mr. Husband e fomos em tres lugares.

Araçatuba é pequena, só tem tres lojas de piscinas tá?

Parece que tudo se repete numa sensação de dèja vu como quando fui ver as portas: o primeiro lugar que vamos é sempre o melhor, o mais barato e voce gosta logo de cara do produto.

E ouvimos tantas opiniões diferentes de cada vendedor que ficamos pensando: será que foram treinados pra vender isso mesmo? Será que entendem do que estão vendendo?

Bem fomos no primeiro cara e ele mostrou uma bem legal, não tão grande, pois queremos ficar com um bom espaço ainda no quintal, preço bom, com filtro de ultravioleta, etc…

O cara foi simpatico, quis dividir em 10 vezes, respondeu todas as nossas perguntas. Gostamos desta:

amaralina

Aí fomos no segundo cara: um menino que parecia ter a idade do numero UM, olhos verdes e cilios que apreciam postiços, super simpatico tambem, falou tudo sobre as piscinas dele;  e vimos uma mais ou menos parecida com a  de cima, mais cara e o filtro de ultravioleta 100% mais caro…mas ele era tão bonitinho… (o vendedor, não o filtrooo); saí de lá abalada e o mr husband disse: o carinha é legal né?

e eu : ôooo.

hahahahahah

Terceira loja e o dono é pai do meu amigo, me recebeu com beijinho e tudo, me levou pelo terreno todo, mostrou a amoreira que plantou, apanhei bocas de leão do matinho que crescia alí, chupei balinhas, me deu o catalogo, mas o preço que mais se aproximou da bonitona lá de cima foi a da K-700, que não tem nada de bonita…e  o preço dele é  salgado demais. Quem sabe ele melhora …

Chegamos em casa, botei a lasagna no forno, abri uma cerveja, deitei no chão da varanda com todos os catalogos e preços  e ficamos analisando.

Ainda não fechamos com ninguem, mas ouvi opiniões tão diferentes…

De um vendedor que piscina  de bordas ovaladas é mais barata porque vai menos vinil; de outro que  a de bordas retas é mais barata (nem taaanto) porque é mais simples; e que um tem iso 9 mil e tantos e 10 anos de garantia; e que todos dão a piscina colocada, etc…

Depois de tudo isso, Mr Husband diz que primeiro vamos comprar o piso!

WWWWHH x QQQ- o que é isso minha gente?

24 de abril de 2009 1 comentário

Existe uma diferença enorme entre as coisas que aprendemos em cursos de capacitação e a vida real.

ou seria melhor dizer, os cursos  de capacitação e as lambadas da vida real??

nos cursos são graficos e siglas, e conceitos que não devemos esquecer nunca, tipo quele esqueminha dos Ws e Hs, sabe como é?

não?

What – o que

When?- quando?

Where?- onde?

Why?- porque?

Who? – Quem?

How?- como?

How much?- Quanto?

Só que lá em casa este metodo não resolve né pessoas?

pois lá em casa é o esquema dos 3 Qs…”Quando Qu’ele Qué”

então vamos sair pra ver os pisos mas tem que ser Quando Qu’ele Qué

e vamos escolher os metais,mas Quando Qu’ele Qué

e a piscina ficou marcada pra ser escolhida Quando Qu’ele Qué

Quando Qu’ele QuéQuando Qu’ele QuéQuando Qu’ele QuéQuando Qu’ele QuéQuando Qu’ele QuéQuando Qu’ele QuéQuando Qu’ele QuéQuando Qu’ele QuéQuando Qu’ele Qué

tem que rir, pois chorar não ia adiantar

tulipas

21 de abril de 2009 7 comentários

elas são uma gracinha…

conhecidas como tulipa ou saarinen são copiadas e recopiadas no mundo inteiro.

eu acho o simbolo de design limpo

tulipa780 na Desmobília

saarinen-jantar-oval-carrarauns quase 2000, em qualquer lugar…fora as cadeiras, que não pode ser qualquer uma…

Ahhh uma duvida…ela parece fragil…se o cara tem aquela mania de apoiar os cotovelos, ela vira?

sorry, mas eu tinha que perguntar…

Pisos que eu ando vendo por aí

21 de abril de 2009 2 comentários

Este blog está lento né? Nada tão UP quanto o da Mari, mas é que a minha reforma é meio slow mesmo.

Sabado eu saí para caminhar. Não peguei o caminho normal que me leva ao estádio, mas fui na direção da reforma. Passei na frente, voltei, passei do lado, contornei o quarteirão…acariciei a obra com meus olhos.

Continuei meu caminho, agora longo, de volta pela Cristiano Olsen, passei na Coopbanc …A pé hein????…peguei a General Salgado cheia de más intenções.

Depois de sujar de baba a vitrine da Matisse por causa de uma bela mesa Tulipa de Eero Saarinen, atravessei a rua e entrei na Portobello Shopp.

Muito bem instruida pelo Cesinha, fui direto nos porcelanatos. Fiquei sabendo que a portobello disponibiliza artigos para todas as lojas, mas nas revendedoras portobello, o que tem lá é exclusivo deles…voce não acha em lugar nenhum.

E tambem temos que ficar de olho aberto em relação aos pisos made in china. Se voce escolhe um piso daqui, de qualquer marca, e der problema, a empresa troca.

Se for um piso chines, voces vão reclamar pra quem mosfios?

OK, vi pisos com brilho e sem brilho. Não sei o que escolher pra dentro de casa, pois mr. Husband tem que estar junto, com o talão de cheques e a cara de bravo.

Só determinei que será bege no tom abaixo:

piso-bege

aqui é porcelanato rustico, com aquela faixinha que eu detesto…desconsiderem a faixa. mas o tom é bonito.

Categoriaspisos

Revistas de decoração

12 de abril de 2009 6 comentários

Já que as revistas de moda mostram só modelos tipo cabides como diz a Fátima do Né?, amo comprar revistas de decoração.

Compro Casa Cláudia há  muito tempo e agora que vou ter um jardim, estou comprando a Casa e Jardim. Não que isso me torne uma paisagista, mas aprendo um pouco mais sobre o assunto, e vou formando uma idéia sobre o que quero em cada canto do meu jardim.

Tambem gosto das importadas como a El Mueble, a Interiores, e Arquitectura e Diseño, todas espanholas. E alem de ver coisas lindas, melhoro meu espanhol.

Aliás, melhorou muito, pois encontrei uma espanhola, Mari, em Ubatuba e bati um papão com ela.

Curiosa ela quis saber se eu aprendia espanhol e eu contei como estava dominando a lingua…e comecei a apontar os moveis e falar: sillas, cajones, alfombras, jarornes, vasos, salón, comedor…enquanto ela me corrigia a pronuncia.

arquitectura-e-diseno1 casa-claudia1 revista-el-mueble

Depois mr Husband diz que minhas revistas não servem pra nada!

Categoriasdecoração

REFORMA: O ANTES e o DEPOIS

10 de abril de 2009 4 comentários

Só pra vcs entenderem, a casa era assim e a previsão é que fique assim, antes do final do ano.

Eu já falei muito da reforma no Coisa de Lilly, mas hoje acho que aquele é um blog onde eu posso falar dos meus livros, minhas musicas, amigos, querencias, criticas, e a reforma iria ocupar um espação…

Então entre o que era e o que vai ficar já teve muito de tudo.

closet sem portas

9 de abril de 2009 8 comentários

closet-abertoah! eu sempre quis ter um. Achava lindo.

Se em boutique pode e  dá certo, porque não comigo?

O meu closet é uma passagem para o meu banheiro.

Até seria grandinho pra uma pessoa normal, mas eu não sou né? TENHO MONTES DE ROUPAS E SAPATOS. Aliás estou postando aqui e perdendo a liqui da ABRAZ.

Eu sou tão organizada, as roupas estão sempre bem penduradas, arrumadas por cor e tamanho.

E faço isso sozinha, pois a  Lucilia Diniz  tem um closet imeeenso e uma empregada só pra cuidar dele; ela chega a fotografar a roupa que usa na festa e anota, pra não repetir roupa; e a empregada vira a roupas de 15 em 15 dias para que todas peguem a mesma quantidade de luz (atenção!!!este é um dado muito importante pra vc que tem :1)-um closet imenso; 2) uma empregada dando sopa só pra fazer isso, hehehehe).

Então meu closet não tem portas e vi que isso não dá certo, pois pega muito pó.

Na ultima festa que eu fui, mr Husband declarou solenemente que voltaria da igreja pra botar uma roupa menos formal e a camisa escolhida estava EMPOEIRADA, tipo assim, um caminhão de terra passou em cima dela.

Eu já estava de cabelo pronto ( e 59 grampos enfiados no cranio) joguei a camisa no tanque, lavei, centrifuguei, coloquei num cabide pra secar e fomos pra igreja, e qdo voltamos, voilá!! a danada estava seca e nem precisou passar.

Bendito seja o inventor da microfibra.

Então, por mais descolado que possa parecer e por mais organizado que voce seja, coloque umas portas, ok?

O quarto de hóspedes

5 de abril de 2009 9 comentários

Tenho pensado com carinho neste comodo que foi acrescentado por ultimo à reforma.

É um lugar que eu pretendo decorar, colocar alí minhas cores preferidas, tudo muito claro e fresco para que a pessoa que eu receber alí se sinta em casa.

Como vou fazer um closet novo, espero que meu antigo armarioe steja intacto e então ele pode ir para ste quarto, quem sabe laqueado ou patinado de branco.Já tenho as camas de solteiro e uma mini comoda que pretendo fazer pátina branca ( eu sei fazer ).

Eu encontrei uma foto que me norteou quanto ao que eu quero pra este ambiente:

cabides

Cabides em madeira, pintados de branco  com decalque ou estencil. Lindos e fáceis de fazer.

SOutra opção é uma rmário antigo, encontrado facilmente em lojas de segunda mão, pintado de branco.

armoire

adoro moveis pintados/patinados em branco, com aquele ar antiguinho.

Acho que no fundo sou meio romantica. Gosto de corações e pingentes de cristal.

Cores pasteis. Porcelana branca ou de florzinha.porcelana

e mr. Husband? ELE ODEEEEIA ISSO!

Categoriasdecoração, quartos

Marcenaria

5 de abril de 2009 Deixe um comentário

A casa já tinha armários embutidos em cada quarto, e escrivaninhas em “L” em cada quarto de criança com prateleiras, etc.

Tambem tinha uns lustres de alabastro que o dono tirou, mas que eu paguei por eles.

Mas tudo bem que ele entregou a casa 4 meses depois e deixou lá um boxer de um ano, o Draco. Mas isso é oooutra estória.

Quando desmontamos a casa pra começar a reforma todos os armarios/prateleiras/escrivaninhas foram pra oficina do meu marceneiro, o Paulo (Oriente Moveis) e lá estão, embalados até hoje.

Esta semana numa daquelas conversas desconcertantes que só acontecem quando meu interlocutor é o mr. Husband, ouvi isso:

aqueles armários que estão lá no Paulo, pode esquecer! já estragou tudo”.

Quase fiquei louca!! 3 armários de 3 metros cada por 60 de profundidade, em madeira…sabem quanto isso vale?

Antes de surtar e saí por aí matando, esfriei a cabeça e dormi.

No dia seguinte, liguei no marceneiro e perguntei da saúde dos meus armários, como eles íam, se estavam passando bem, etc.

Ele disse que estavam bem e quando contei a conversa da noite anterior ele me disse que talvez algumas coisas não fiquem intactas, que o certo era fazer algumas partes novas, com corrediças telescópicas uma vez que, por exemplo, as gavetas correm na madeira.

Eu disse que queria os armarios dos filhos assim, do jeito que estavam, no metodo antigo.

Em seguida passei um e-mail pra ele com todas as intruções, como queria cada coisa, pois mr. Husband pode ter a genial ideia de passar por lá e mandar jogar tudo fora, então o Paulo já sabe como eu quero.

Então dois armários voltam para seus donos, e o que era do meu quarto vai para o quarto de hóspedes.

E é assim. Cada dia um incendio que eu apago,  uma briguinha que eu contorno.

Categoriasarmários
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 585 outros seguidores